Mars Wrigley Brasil alcança meta de ter metade das posições de diretoria ocupadas por mulheres
Agenda de diversidade de gênero em posições de liderança da companhia reforça a importância de as empresas comunicarem abertamente esta intenção, além de preparar seus gestores para colocarem tudo em prática no dia a dia

Diretoria MW

Todos os anos, próximo ao Dia Internacional da Mulher, nos deparamos com dados e informações que comprovam a importância da luta pela igualdade de condições para homens e mulheres no mercado de trabalho. O problema que se mostra mais frequentemente em posições operacionais, com diferenças salariais e rejeição a maternidade, se estende até as posições de liderança. Em dezembro de 2019, o Instituto Insper realizou uma grande pesquisa para identificar o perfil dos líderes corporativos no Brasil. Constatou-se que apenas 18% das companhias possuem mulheres em posição de CEO. Sob este cenário, muitas empresas promovem estratégias para alcançar uma maior diversidade de gênero em posições de liderança. Algumas já podem inclusive se orgulhar em dizer que “chegaram lá”, como no caso da Mars Wrigley Brasil.

A Mars, globalmente reconhecida por marcas como M&M’S®, SNICKERS®, TWIX® e SKITTLES® alcançou em 2019 uma de suas principais metas na agenda de diversidade de gênero, e agora tem metade das cadeiras de direção ocupadas por mulheres. “É fantástico como a Mars aborda o tema. Acredito que as grandes empresas têm o papel de direcionar esta questão de forma direta e intencional, mover de fato o ponteiro para um ciclo virtuoso onde mais e mais mulheres são motivadas e desafiadas a ocupar os espaços. Aqui na Mars o papel da mulher é fomentado, a gente incentiva essa movimentação, provoca todas as colaboradoras a buscarem mais e as reconhece por isso”, explica Cristiane Albuquerque, Diretora de Supply Chain da companhia. 

“Antes da Mars, tive experiências em indústrias automotiva e aeronáutica, que são ambientes tradicionalmente masculinizados. Também estão em suas respectivas jornadas em busca da diversidade, mas em outro ritmo. Na Mars entrei como gerente de compras e desde o processo seletivo me encantei com a cultura disseminada. A forma como as pessoas defendiam e se orgulhavam da empresa me chamou atenção, todos com planos de carreira e com segurança do reconhecimento pelo que entregam, incluindo as mulheres. A Mars tem a cultura de desmistificar e desafiar todos os cargos com histórico de serem tradicionalmente ocupados por homens se perguntando ‘o que impede uma mulher de realizar essa função?’. Essa inquietude abre muitas oportunidades antes raras para o público feminino”, conta.  

“Aproximadamente um ano atrás, o diretor de Supply Chain saiu da companhia e a vaga foi aberta. Eu estava alinhada à posição e ela fazia parte do meu plano de carreira. Incentivaram minha participação no processo, participei e fui efetivada no cargo. Fica muito claro no dia a dia por aqui o desejo que todos têm em aproveitarem as oportunidades que surgem nas mais diversas posições para promover esta ideia, tentar trazer aos setores pessoas diferentes, ideias diferentes, provocar esta mescla equilibrada entre homens e mulheres, situação que quase sempre oferece um leque maior de soluções quando comparado aos ambientes estritamente masculinos”, comenta. 

A visão de Cristiane se comprova nos números. No ano passado a McKinsey, líder mundial no mercado de consultoria empresarial, divulgou um estudo global onde aponta que companhias com pelo menos uma mulher em posição de liderança, possuem 50% a mais de chance de verem sua rentabilidade evoluir. Carolina Menezes, Diretora de RH da Mars Wrigley Brasil, explica por que este dado faz sentido. 

“Ter diversidade no ambiente corporativo comprovadamente traz resultados satisfatórios. Grupos de profissionais com perfis muito semelhantes possuem uma dificuldade maior em capturar as demandas do mercado, e isso nos dias de hoje, com públicos tão exigentes e dinâmicos, pode ser um grande problema. A luta pelo equilíbrio pleno na diversidade de gênero na liderança das empresas ainda é longa, é um processo que ainda dá seus primeiros passos em muitos lugares. A Mars vive um cenário mais avançado na questão. Temos uma visão global do tema, trabalhamos com táticas de acompanhamento das nossas profissionais, somos muito intencionais com a questão da diversidade feminina”, afirma.  

“É importante também não se deixar levar por estereótipos. A importância da presença de mulheres em todas as posições dentro de uma empresa não se dá por supostamente existir um ‘modo feminino’ de se fazer as coisas que se contrapõe ao ‘modo masculino’. Esta diversidade é importante pelo fato de que pessoas de gêneros diferentes trazem experiências diferentes, trajetórias diferentes, ideias diferentes. E tudo isso pode ser utilizado em prol da companhia”, explica. “Inclusive, como Diretora de RH, por vezes tenho de trabalhar no sentido contrário e recrutar homens para trabalharem em nosso setor, tradicionalmente ocupado por mulheres”. 

O que todas concordam é que o movimento para a promoção de um ambiente de liderança mais diverso tem de ser iniciado com o trabalho de base. “Precisamos, enquanto mercado de trabalho em geral, direcionar de forma clara a captação e capacitação de mulheres, em todas as posições, das operacionais até as gerenciais. Definir metas e ações para criarmos mulheres tomadoras de decisão. Assim como tudo que pode gerar resultado para a empresa, a diversidade de gênero deve ser algo provocado, não é efetivo aguardar que as coisas mudem por conta própria, com o passar do tempo”, opina Cristiane. 

“Não tem muito segredo, você começa medindo qual é o seu cenário atual, identificando onde o problema de diversidade é mais crítico, e define ações específicas para reverter. Isso tudo sempre alinhado ao treinamento dos gestores homens que já fazem parte da organização. São eles que farão a estratégia se traduzir em realidade no dia a dia, se não acreditarem na agenda, não funcionará. Precisam estar prontos e empáticos o suficiente para entenderem a importância de estarem abertos, preocupados em como ajudar as colaboradoras a se sentirem confortáveis para exporem suas ideias e buscarem crescimento. Esta é basicamente a ‘receita’ na qual acreditamos aqui na Mars”, pontua Carolina. 

No cenário global, 42% dos colaboradores da Mars são mulheres. É meta da companhia aumentar este número em 2% a cada ano. “Estamos alcançando nossos objetivos e sempre buscando novos planos que nos ajudem neste crescimento. Ter metade das cadeiras de direção ocupadas por mulheres no Brasil é resultado deste trabalho. No entanto, é importante ter sempre claro que, para além das estratégias, no final do dia, a empresa são as pessoas. São elas que fazem tudo acontecer. De nada adianta os melhores planos e políticas internas se no decorrer da rotina na companhia aquilo for apenas um papel pregado no mural”, finaliza. 

A visão é compartilhada por Cristiane, que reforça a importância do comprometimento de todos. “É o tipo de iniciativa que tem de ser abraçada pela companhia inteira, do chão de fábrica até a alta diretoria, todos tem de acreditar na ideia. O mercado precisa se questionar e entender como cada empresa vai abrir espaço para as mulheres colocarem seus pontos de vista. Só assim vamos caminhar de forma constante e sustentável na direção de um mercado de trabalho realmente diverso”. 

 

Sobre a Mars, Incorporated 

A Mars, Incorporated é uma empresa familiar, privada, com mais de 100 anos de história e dona de algumas das marcas mais amadas do mundo, como ROYAL CANIN®, PEDIGREE®, WHISKAS®, EUKANUBA®, OPTIMUM™, M&M’S®, TWIX®, SNICKERS®, UNCLE BEN’S®, MASTERFOODS®, ORBIT®, EXTRA®, SKITTLES® e STARBURST®. Sediada em McLean, no estado norte-americano da Virginia, a Mars tem faturamento acima de US$ 35 bilhões providos de seus 4 segmentos de negócio: Petcare (alimentos e cuidados para animais de estimação), Confeitos (chocolates, balas e gomas), Alimentos e Pesquisa. Cerca de 125 mil colaboradores, em mais de 80 países, estão reunidos sob os Cinco Princípios da empresa - Qualidade, Eficiência, Responsabilidade, Mutualidade e Liberdade - trabalhando, diariamente, para desenvolver relações mútuas com todos os seus públicos, buscando um crescimento do qual a empresa se orgulha.

Asset Download Press Release